Capitalismo de Estado

Rodolfo Terranova

Os acontecimentos que estão se desenrolando na economia e nos mercados mundiais constituem uma revolução radical no sistema capitalista, atingido no seu centro, os Estados Unidos. Fico imaginando o que deve estar pensando neste momento o ex-presidente da Ford e da Chrysler, Lee Iacocca, (um administrador competente e sério), ao ver montanhas de dinheiro sendo entregues rapidamente sem qualquer burocracia, às maiores empresas industriais e aos bancos, corretoras de seguro, dentre as quais a GM, A FORD E A CHRYSLER para salva-las da falência…

LEE IACOCCA ( o nº 2), ao ser  demitido da Ford por demonstrar competência e sucesso excessivos, provocando a inveja do Pres. Do Conselho, ( o nº 1- neto de Henry Ford ) – como explica em detalhes na sua autobiogafia, precisou recorrer ao Governo para sobreviver. O detalhe é o seguinte: Iacocca, quando assumiu a presidência da Chrysler – ignorando a situação real da empresa – precisou de 1 bilhão e meio de dólares para salvá-la.

Para conseguir esse empréstimo teve que travar uma guerra gigantesca e longa contra tudo e contra todos ( inclusive congressistas, imprensa, líderes empresariais ) que o acusavam de incompetência, de estar traindo o sistema de livre empresa, “onde só sobreviveriam  os mais capazes, competentes”, etc etc  . Conseguiu o empréstimo e o pagou, transformando a Chrysler em uma empresa novamente rentável e bem sucedida. Mas, vejam bem: com o apoio e o auxílio do Governo, isto é, dos contribuintes…porque se tivesse sido deixada à sua própria sorte, teria falido… Eles tiveram que rejeitar as frias leis do mercado ( o neo-liberalismo – o mercado resolve tudo) quando foi preciso salvar a própria pele, justamente com o auxílio do Papaizão Governo que sempre é acusado de ineficiência…

Os Governos dos principais paises do mundo desenvolvido, juntamente com os emergentes, entre os quais China, Brasil, Índia, (G20) reunidos recentemente foram obrigados a intervir na economia, para tirar o mercado mundial da falência e do caos, investindo 1 trilhão de dólares , ao mesmo tempo que tentam sanar e controlar o mercado financeiro global, ao pressionarem os governos de certas regiões para porem fim aos paraísos fiscais e financeiros.

Ora, um dos outros mitos muito propagados pelos paises mais ricos e desenvolvidos era que a corrupção no Brasil e demais paises subdesenvolvidos era muito forte. É inegável e triste que seja assim. Agora o mais surpreendente é que tenha ocorrido um golpe de 65  bilhões de dólares executado por um empresário norte-americano do setor financeiro chamado Madoff , que deu prejuízo a  pessoas de várias partes do mundo, inclusive brasileiros…e que também  uma empresa norte-americana que recebeu uma ajuda do governo de 180 milhões de dólares tenha destinado 140 milhões de dólares para premiar seus principais executivos…tudo isso noticiado recentemente na imprensa mundial…e que irritou o Pres. Barack Obama.

Mas, voltando ao tema do protecionismo, é  bom lembrar que os Governos dos paises mais ricos sempre o exerceram  em todas as épocas e em todas as  áreas consideradas estratégicas,negando as leis do mercado.

Até hoje os agricultores desses países são subsidiados e protegidos nos seus negócios. Quando por exemplo, há uma geada muito forte, ou quando a seca ou a chuva que destroem as plantações, os Governos do 1º Mundo, dão de fato, dinheiro aos agricultores…

O protecionismo no Brasil foi eliminado, o subsidio à agricultura no nosso pais foi cortado e os impostos que são cobrados nos alimentos atingem principalmente os pobres, tendo um peso muito grande nos seus pequenos salários…os subsídios eram considerados uma vergonha nacional…

(Não foi por acaso que Roosevelt para vencer a crise gigantesca e 100 vezes maior do que a atual que quebrou os Estados Unidos em 1929, foi orientado e seguiu as lições do economista inglês, Lord Maynard Keynes, cujas teorias reconhecem e receitam a necessidade da intervenção do Estado na Economia para salvar o Mercado).

 Como dizia Pirandello, “seria cômico se não fosse trágico”, os brasileiros terem assistido durante tanto tempo “os gênios incompetentes e falidos” , nas suas agências de classificação de riscos super pretensiosas, determinando em que nível de riscos estava o Brasil e outros paises…que não quebraram e que não estão tão ruins quanto eles…(um sintoma disso é a quantidade nunca vista de artistas e grupos e estrangeiros faturando no Brasil…realmente o dinheiro está aqui…)

Essas reflexões me vêm à mente ao lembrar dos ex- presidentes Collor e Fernando Henrique:um condenando e retirando  os subsídios e o outro privatizando quase tudo que era publico…

Já pensou se eles acabam com o Estado? Quem iria salvar o Mercado?

A propósito, uma amiga minha que viaja de trem ( A Supervia foi uma das empresas privatizadas) me informou que o trem está mais caro do que o ônibus, e continua mais entupido de gente do que sardinha em lata…onde está o mito da qualidade e preço baixo?

Está começando a haver por parte do  Governo Federal um começo de desburocratização

Mas é preciso que haja credito, financiamento e outras facilidades por parte dos vários governos estadual e municipal, para que o processo siga adiante com sucesso.

Um das funções do Estado é vigiar os maiores para que eles não devorem os menores…

PS: eu sou a favor da livre-empresa, de uma economia de mercado, do empreendedorismo, de um pais democrático que proporcione e estimule oportunidades reais e  iguais para aqueles que se determinarem a terem seus próprios negócios.

Agora o Estado Democrático tem que entrar com uma participação decisiva nesse esquema para que as micro e pequenas empresas possam ter uma chance de nascerem e se desenvolverem criando empregos e riqueza para o Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: